Quotidianos – O Projeto

O Projeto!

O Quotidianos é uma plataforma multimídia que surgiu com o propósito de unir diferentes vertentes da literatura fantástica [ficção cientifica, fantasia, horror e seus subgêneros], das HQs, ilustrações e artes em geral para criar um ponto de referência que se apoie nesses vários caminhos criativos, além de apresentar novos nomes ligados tanto à literatura quanto à arte. No entanto, mais do que contar histórias fantásticas e enfeitá-las com traços e designs inovadores, o Quotidianos quer vir a publico como um diferencial, quer apresentar um conceito totalmente distinto do que é feito hoje: assim, cada história, cada autor | ilustrador irá buscar o mais simples e corriqueiro de seus mundos, porém não o banal no sentido depreciativo, mas aquelas histórias únicas que muitas vezes são deixadas de lado em detrimento do acontecimento maior: a visão do servo, do cuidador de dragões, do coelho fugitivo, do soldado raso, e também o experimentalismo do traço, a forma a princípio incoerente, a colagem, a arte inovadora e fora do padrão dito convencional. Ou seja, o Quotidianos quer apresentar histórias | artes que primem pelo tom cotidiano, porém fantástico, que busquem valorizar o mínimo que se esconde por detrás das grandes aventuras e, a partir dele, criar uma arte totalmente inovadora. Para tanto, ambas as correntes, literária e artística, deverão estar devidamente bem casadas, desenho e texto soando como uma espécie de extensão | complemento um do outro!

Os Participantes!
• Escritores:
o Alliah
o Sumaya Sarran
o Tânia Souza
o Felipe Castilho
o Jim Anotsu
o Cirilo S. Lemos
o Fernando Salvaterra
o Osíris Reis
o Cláudio Parreira
o Rober Pinheiro

• Ilustradores:
o Matheus A. Quinan
o Fernando Salvaterra
o Carlos Cruz
o Alliah
o Carolina Mancini
o Rafael Narchi
o Lucas Zavagli
o Rogério Geo
o Pedro Felipe
o Felipe Mascarenhas

As Histórias!
Contos, minicontos, microcontos, crônicas, minicrônicas, microcrônicas, poemas, poemetos, haicais, histórias seriadas e / ou únicas, cartas, diálogos intrapessoais e interpessoais ou qualquer outra forma de escrita, inventada ou por inventar que abordem todos os aspectos da ficção especulativa [ficção científica (soft e hard, Space Opera, retro & futurismo, time travel, distopia, etc.), fantasia (medievalismo, alta fantasia, fantasia moderna, fantasia urbana, dark fantasy, etc.), horror (terror, suspense, etc.), punks (steampunk, dieselpunk, solarpunk, clockpunk, stonepuck, etc.), New Weird e ficção alternativa (história alternativa, xenoficção, etc.)].

As Artes!
Ilustrações monocromáticas, bicromáticas ou coloridas, artes sequenciais (HQs), desenhos, charges, cartuns, recortes, colagem, montagem, fotografia, aquarelas, grafismos, photoshopismos ou quaisquer outras formas criativas, inventadas ou por inventar, que referenciem o texto ao qual estão vinculadas, porém, que não se prendam às suas fronteiras, mas que, ao contrário, as extrapole, apresentando ao leitor uma visão totalmente nova, complementar ao texto. E, também, artes que convidem o escritor a refletir sobre sua história não contada.
O experimentalismo, nas artes e nas letras, será FORTEMENTE encorajado!

O Site!
As histórias ilustradas serão publicadas de forma continuada, com entrada diária [exceto aos domingos] e contando sempre com uma dupla de escritor | ilustrador, de segunda a sexta-feira, e um escritor convidado, aos sábados. O endereço do site é www.quotidianos.com.br

O Lançamento!
Para marcar o lançamento do Quotidianos, vai rolar uma balada literária sábado, dia 02/03/2013, no Espaço Terracota, Av. Lins de Vasconcelos, nº 1886 [próximo à estação Vila Mariana do Metrô], com música, dança, mash ups musicais, leitura dramática dos textos que comporão o site, vernissage e venda de livros e artes dos participantes.

E a partir de 02|03|2013 acesse www.quotidianos.com.br para curtir, todos os dias, essas novas e surpreendentes pequenas histórias fantásticas!

Pessoas! Do meu querido Rober para vocês, a explicação do Projeto e das surpresas que podemos esperar de algo tão ligado ao nosso dia-a-dia!

 

Anúncios

Quotidianos

quotidianos-outracoisa-550x263

Uma novidade interessante está surgindo na Internet para os apreciadores da boa leitura, uma que nasce com um pé fincado na literatura fantástica e o outro nas artes plásticas.

Apelidado de Quotidianos, o projeto surgiu com o propósito de unir diferentes vertentes da literatura fantástica [ficção cientifica, fantasia, horror e seus subgêneros], das HQs, ilustrações e artes em geral para criar um ponto de referência que se apoie nesses vários caminhos criativos, além de apresentar novos nomes ligados tanto à literatura quanto à arte. Mas o projeto quer ir além. “Mais do que apenas contar histórias e enfeitá-las com traços inovadores, o Quotidianos quer vir a público com um diferencial, quer apresentar um conceito totalmente distinto do que é feito hoje: assim, cada história, cada autor/ilustrador terá como missão buscar o mais simples e corriqueiro de seus mundos, mas não o banal no sentido depreciativo, mas aquelas histórias únicas que muitas vezes são deixadas de lado em detrimento do acontecimento maior: a visão do servo, do cuidador de dragões, do coelho fugitivo, do soldado raso, e também o experimentalismo do traço, a forma a princípio incoerente, a colagem, a arte inovadora e fora do padrão dito convencional”, diz o texto de apresentação do projeto.

E continua, “O Quotidianos quer apresentar histórias/artes que primem pelo tom cotidiano, porém fantástico, que procurem valorizar o mínimo que se esconde por detrás das grandes aventuras e, a partir dele, criar uma arte totalmente inovadora, com ambas as correntes, literária e artística, devidamente bem casadas, desenho e texto soando como uma extensão/complemento um do outro”.

Com lançamento previsto para o início de março de 2013, o Quotidianos terá como casa uma plataforma on-line que unirá texto e arte para narrar essas pequenas histórias. O site terá uma frequência de publicação diária e contará com 10 duplas de artistas, sempre formadas por um escritor e um ilustrador, que ocuparão os dias da semana. Já os sábados serão reservados a escritores de FC&F especialmente convidados para dividir com os leitores, pela primeira vez, as pequenas maravilhas que se escondem por detrás de suas grandes histórias.

Segundo Rober Pinheiro, idealizador do projeto, a ideia é que o Quotidianos seja um espaço de criação e propagação para todas as formas de arte fantástica e, para isso, cada dupla terá total liberdade de criação e as histórias poderão se apropriar de todos os estilos e formatos possíveis. “Independente da forma, se um conto ou uma crônica, se um haicai, um diálogo entre o imaginado e o não-visto ou qualquer outra forma de escrita, inventada ou por inventar, o que interessa ao Quotidianos é a simplicidade do que está sendo contado, que o texto, mesmo aludindo a todos os gêneros e subgêneros da ficção especulativa, da fantasia, do horror, da ficção nova e alternativa, possa apresentar um viés único e preferencialmente voltado para as pequenas mazelas e enlevos do cotidiano”.

Entre os escritores há veteranos e novatos, fantásticos e científicos, alguns já bastante conhecidos e outros estreantes nas letras. O time é formado por Alliah, autora que lançou o recente Metanfetaedro pela Tarja Editorial, Sumaya Sarran, que tem contos publicados nas coletâneas Grimório dos Vampiros e Fragmentos do Inferno, Tânia Souza, com contos publicados em coletâneas como À Sombra do Corvo e Cursed City, ambas pela Editora Estronho, Felipe Castilho, autor do folclórico Ouro, Fogo & Megabytes [Gutenberg, 2012], Jim Anotsu, dos recentes e bastante comentados Annabel & Sarah e A Morte é Legal, ambos editados pela paulista Draco, Cirilo S. Lemos, autor que arrebatou ótimas críticas em seu livro de estreia, O Alienado, Fernando Salvaterra, que teve recentemente um conto publicado no projeto A Fantástica Literatura Queer, Osíris Reis, autor do romance de FC Treze Milênios e de contos publicados nos Volumes Laranja e Verde d’A Fantástica Literatura Queer, Cláudio Parreira, pai do ótimo Gabriel, também lançado pela editora Draco e Rober Pinheiro, que encabeça o projeto.

Dos ilustradores, estão no time Matheus A. Quinan, Carlos Cruz, Carolina Mancini, Rafael Narchi, Lucas Zavagli, Rogério Geo, Pedro Felipe, Felipe Mascarenhas e Fernando Salvaterra e Alliah em dobradinha escrita / ilustração.

Para marcar o lançamento do projeto, vai rolar uma balada literária no Espaço Terracota com música, dança, mash ups musicais, leitura dramática dos textos que comporão o site, vernissage e venda de livros e artes dos participantes.

E a partir do dia 02/03, acesse http://www.quotidianos.com.br pra conferir diariamente as novidades, textos e artes dessa nova iniciativa literária, algo que, pelo time e pela proposta, sem dúvida valerá muito a pena ficar de olho!

Serviço

Balada Literária de Lançamento do Projeto Quotidianos.
Data: dia 02 de março, sábado, a partir das 18h30.
Local: Espaço Terracota.
Endereço: Av. Lins de Vasconcelos, nº 1886 [próximo à estação Vila Mariana do Metrô].
Site: http://www.quotidianos.com.br

Pessoas, essa matéria é do site http://www.outracoisa.com.br, foi escrita por Bruno Accioly. Reposto, pois muito feliz, estou participando do projeto e percebo que fará diferença nos meus e nos seus próximos dias!